Em Cristo você nunca mais terá sede

Aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. (João 4.14)

O crente em Jesus acha em seu Senhor o bastante para satisfazê-lo agora e mantê-lo contente durante o resto de sua vida e para todo o sempre.

O cristão não é uma pessoa cujos dias são gastos na busca de conforto e cujas noites demoram a se passar por falta de pensamentos que trazem conforto ao coração.

O cristão acha em Cristo uma fonte de alegria e um fundamento de consolação tão abundantes, que o tornam feliz e satisfeito. Ponham o cristão em um cárcere, e ali ele encontrará boa companhia. Coloquem-no em um deserto, e ali o crente se alimentará do pão do céu. Privem-no de amizades, e ele achará o “Amigo mais chegado do que um irmão”

  • O homem que tem muitos amigos sai perdendo; mas há amigo mais chegado do que um irmão (Provérbios 18.24).

Aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede

Removam os alicerces das esperanças terrenas do crente, e seu coração ainda permanecerá firme, confiante no Senhor. O coração é tão insaciável quanto a sepultura, até que o Senhor Jesus entra nele e o torna um cálice transbordante.

Em Cristo, existe plenitude de abundância; Ele sozinho é o tudo do cristão. O verdadeiro cristão está tão satisfeito com a plena suficiência de Cristo que não mais tem sede – exceto por goles maiores da Fonte viva.

Nesta doce maneira, amado irmão, você terá sede. Não será uma sede dolorosa, mas de vontade amorosa; você descobrirá ser bom almejar por uma alegria mais completa do amor de Jesus.

Alguém, em dias de outrora, disse: “Tenho frequentemente mergulhado meu balde no poço, mas agora, minha sede de Jesus tem se tornado tão insaciável que desejo trazer o próprio poço aos lábios e beber dele”.

Querido leitor, este sentimento se encontra em seu coração? Você sente que todos os seus desejos estão satisfeitos em Cristo e que não tem qualquer outra necessidade, exceto a de conhecê-Lo mais e ter comunhão mais íntima com Ele?

Então, venha constantemente à fonte e beba gratuitamente da água da vida:

  • O Espírito e a noiva dizem: Vem! Aquele que ouve, diga: Vem! Aquele que tem sede venha, e quem quiser receba de graça a água da vida (Apocalipse 22.17)

Jesus nunca pensará que você bebeu demais, mas sempre lhe dará boas-vindas, dizendo: “Beba, sim, beba com abundância, ó amado”.

Agradeço a sua visita, compartilhe nossa página.

lugar de oraçãoDeus lhe abençoe grandiosamente

Milton Santos

 

Até a próxima…..

Espera somente em Deus

Não se desespere, seja paciente e espera somente em Deus

Porque tive vergonha de pedir ao rei exército e cavaleiros para nos defenderem do inimigo no caminho, porquanto já lhe havíamos dito: A boa mão do nosso Deus é sobre todos os que o buscam, para o bem deles; mas a sua força e a sua ira, contra todos os que o abandonam. (Esdras 8.22)

Um regimento armado teria sido desejável para os peregrinos, mas uma timidez santa não permiti u que Esdras buscasse um.

Ele temeu que o rei pagão pensasse ser hipócrita sua confissão de fé; ou que ele imaginasse não ser o Deus de Israel capaz de preservar seus próprios adoradores. Esdras não poderia depender de braços de carne em um assunto que tão evidentemente pertencia a Deus.

Por isso, a caravana seguiu viagem sem qualquer proteção visível, guardada por Aquele que é a espada e o escudo de seu povo. É motivo de receio que poucos crentes sintam este zelo santo para com seu Deus.

Espera somente em Deus

Mesmo aqueles que, em determinada medida, andam pela fé, ocasionalmente, mancham o resplendor de sua vida por anelarem a ajuda do homem. É uma atitude bendita permanecer firme na Rocha dos Séculos, sem contrafortes, sustentado apenas pelo Senhor.

Diante das necessidades correríamos apressadamente aos amigos e parentes, em busca de auxílio, se lembrássemos que o Senhor é magnificado em confiarmos implícita e unicamente em seu braço? Ó minha alma, espera somente em Deus.

Talvez alguém diga: “Mas, não devemos usar quaisquer outras fontes?” Certamente. No entanto, o nosso erro raramente está em negligenciarmos essas fontes.

Com maior frequência, nosso erro surge de crermos ingenuamente nesses recursos, em vez de crermos em Deus. Poucos vão longe em negligenciar o braço da criatura, mas muitos pecam grandemente em fazer uso excessivo dele.

Aprenda, querido leitor, a glorificar o Senhor não arriscando os demais meios, se, quando os utiliza, desonra o nome do Senhor. Não se atemorize diante das dificuldade nem aja precipitadamente, espera somente em Deus.

Agradeço a visita

Milton Santos

E-mail: Fale Comigo

Curso Aprenda a entender a sua Bíblia de Gênesis a Apocalipse. Saiba Como Aqui 

compartilhe esta mensagem……